Imprensa

Fortescue Future Industries e Porto do Açu unem forças para desenvolver planta de hidrogênio verde no Brasil

A Fortescue Future Industries Pty Ltd (FFI), subsidiária da Fortescue Metals Group Ltd (Fortescue), e a Porto do Açu Operações SA (Porto do Açu), uma subsidiária da Prumo Logística SA (Prumo), assinaram Memorando de Entendimentos (MOU) para desenvolver projetos industriais verdes baseados em hidrogênio no Rio de Janeiro, Brasil.  Assinado no final de fevereiro, o MoU permitirá que as empresas conduzam estudos de viabilidade para a instalação de uma planta…

16 de março de 2021

Fortescue Future Industries Pty Ltd (FFI), subsidiária da Fortescue Metals Group Ltd (Fortescue), e Porto do Açu Operações SA (Porto do Açu), uma subsidiária da Prumo Logística SA (Prumo), assinaram Memorando de Entendimentos (MOU) para desenvolver projetos industriais verdes baseados em hidrogênio no Rio de Janeiro, Brasil. 

Assinado no final de fevereiro, o MoU permitirá que as empresas conduzam estudos de viabilidade para a instalação de uma planta de hidrogênio verde no Porto do Açu, maior complexo portuário industrial privado da América Latina. 

Sujeito à conclusão dos estudos de viabilidade e aprovações, o projeto inclui a construção de uma usina de hidrogênio verde com capacidade de 300 megawatts, com potencial para produzir 250 mil toneladas de amônia verde por ano. 

A disponibilidade de hidrogênio verde e de energia renovável deve impulsionar ainda mais a industrialização sustentável do porto, incluindo a produção de aço verde, fertilizantes, produtos químicos, combustíveis e outros produtos industriais manufaturados. 

O MoU também estabelece as bases para o desenvolvimento de projetos de geração de energia solar no local, bem como de energia eólica offshore na costa dos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo. 

A FFI está avaliando oportunidades de energia renovável e hidrogênio verde em todo o mundo e irá liderar e impulsionar a indústria de produtos e energia verde à medida que fazemos a transição dos combustíveis fósseis. Tenho o prazer de anunciar este MoU com o Porto do Açu. A oportunidade de estabelecer indústrias de grande escala totalmente novas e futuras impulsionará o crescimento da economia brasileira. Esperamos que o potencial para novas indústrias verdes no Porto do Açu diversifique, amplie e aprofunde substancialmente a força de trabalho já qualificada do Brasil”, disse Julie Shuttleworth, CEO da FFI. 

O Porto do Açu está navegando com firmeza na direção da economia sustentável do futuro. Um dos pilares da nossa visão para a industrialização do porto são os projetos de transição energética operacional de hoje e as indústrias verdes movidas a energia renovável de amanhã. O Açu é um ponto de conexão entre o crescimento da economia brasileira e a rápida expansão dos negócios de baixo carbono em todo o mundo. É estimulante colaborar com um parceiro internacional deste calibre em um projeto tão visionário. Esta será a primeira usina de hidrogênio verde do país e colocará a FFI e o Porto do Açu na vanguarda da produção de energia limpa e da industrialização verde no Brasil”, afirmou José Firmo, CEO da Porto do Açu Operações. 

Os projetos individuais serão desenvolvidos pela FFI com a propriedade e as fontes de financiamento a serem garantidas separadamente, sem recurso à Fortescue. 

 

A Prumo é uma empresa privada brasileira controlada pelo EIG, um investidor líder no setor de energia global. 

 

Contatos: 

Fortescue  

Michael Vaughan, Fivemark Partners   

mediarelations@fmgl.com.au   

+61 422 602 720  

 

Prumo e Porto do Açu 

Vanessa Teixeira – Gerente de MarComm 

Vanessa.teixeira@prumologistica.com.br 

 

EIG  

Kelly Kimberly/Brandon Messina, Sard Verbinnen & Co. 

EIG-SVC@sardverb.com  

 +1 (212) 687-8080 

 

Sobre o Porto do Açu 

O Porto do Açu é o maior complexo porto-indústira de águas profundas da América Latina. Em operação desde 2014, o Porto do Açu é administrado pela Porto do Açu Operações, uma parceria entre a Prumo Logística e a Port of Antwerp International, uma subsidiária da Antwerp Port Authority. 

Prevista para os próximos cinco anos, a industrialização do porto terá como base, entre outros, projetos sustentáveis e geração de energia limpa: produtos químicos, combustíveis, pelotização, siderurgia e outras empresas poderão utilizar o hidrogênio verde como insumo para incrementar suas matrizes energéticassustentáveis. 

Sobre Prumo Logística 

A Prumo Logística é um grupo econômico multinegócios responsável pelo desenvolvimento estratégico do Porto do Açu. É controlado pelo EIG, um fundo norte-americano com foco em energia e infraestrutura, e peloMubadala Investment Company, um investidor ativo e inovador que aloca capital em diversos segmentos. Por meio das seis empresas do Grupo (Porto do Açu Operações, Ferroport, Açu Petróleo, GNA, Dome e BP Prumo) e de clientes e parceiros, o Porto do Açu atende aos setores de petróleo e gás, logística portuária e mineração. A infraestrutura tem potencial ímpar para suportar novos negócios e diversos nichos industriais. Orientado pela perspectiva estratégica da Prumo, Açu é hoje um dos maiores e mais promissores empreendimentos do Brasil. Com segurança e eficiência operacional aliadas à força da visão de longo prazo do Grupo, Açu se consolida na melhor solução para as demandas mais desafiadoras. 

Sobre EIG 

EIG é um investidor institucional líder no setor de energia global com US $ 22,0 bilhões sob gestão (em 31 de dezembro de 2020). A EIG é especializada em investimentos privados em energia e infraestrutura relacionada à energia em uma base global. Durante seus 39 anos de história, o EIG aportou mais de US $ 34,9 bilhões para o setor de energia por meio de mais de 365 projetos ou empresas em 36 países em seis continentes. Os clientes do EIG incluem muitos dos principais planos de pensão, seguradoras, doações, fundações e fundos de riqueza soberana nos EUA, Ásia e Europa. O EIG está sediada em Washington, D.C. com escritórios em Houston, Londres, Sydney, Rio de Janeiro, Hong Kong e Seul. Mais informações em www.eigpartners.com.