Imprensa

Na semana do Dia Mundial do Livro, 140 crianças do Açu são beneficiadas com doações

Grupo de voluntariado da Porto do Açu promoveu campanha de arrecadação de livros e customizou uma “geladeira literária” para a creche municipal

26 de abril de 2019

Nas mãos de voluntários da Associação de Moradores do Açu e do grupo de voluntariado da Porto do Açu (AbrAÇU), uma geladeira antiga que seria descartada se transformou em “minibiblioteca” para crianças e adolescentes do 5º Distrito, em São João da Barra. Inspirados pelo Dia Mundial do Livro, comemorado em 23 de abril, os participantes do AbrAÇU promoveram uma campanha de arrecadação de livros dentro da empresa e criaram uma “geladeira literária” para incentivar a leitura na comunidade do entorno do Complexo do Porto do Açu.

Hoje, a geladeira customizada foi instalada na creche municipal do Açu, que ainda montou um espaço de leitura na unidade e organizou uma peça de teatro junto aos alunos, em homenagem à data. Com a iniciativa, um total de 140 pequenos foram beneficiados. Cerca de 150 livros foram arrecadados junto aos colaboradores do Porto, mas a ideia é que a geladeira seja sempre abastecida pela comunidade em geral.

“Temos um compromisso com a comunidade local e fazemos questão de contribuir com o desenvolvimento da região. Queremos estimular a leitura, que é uma prática saudável e educativa, em cada uma das crianças do nosso entorno. Como voluntários e engajados com as ações sociais da empresa, demos um pontapé inicial com a doação dos primeiros livros. Agora, fica o convite para que todos façam também suas doações”, afirmou a coordenadora de Responsabilidade Social da Porto do Açu Operações, Izabel Sousa.

Durante a atividade na creche, o AbrAÇU participou de uma roda de leitura junto às crianças da unidade. Secretária executiva da Porto do Açu Operações, Rosimeire Lemos foi a voluntária do grupo que se prontificou a contar uma história: “Este momento de troca com as crianças nos proporciona uma sensação muito gostosa. Como elas são espontâneas e verdadeiras, todas começaram a compartilhar naturalmente seus cotidianos, dentro de casa, fazendo um paralelo com o que eu lia. Em vez de apenas contar uma história, também ouvi outras tantas. Esta experiência não tem preço!”, ressaltou.

Com esta atividade pelo Dia Mundial do Livro, o AbrAÇU já soma 11 ações realizadas desde sua criação, em 2017. Ao longo deste período, 1.500 pessoas foram beneficiadas e mais de 90 colaboradores se engajaram nas atividades em prol da população local.